Terça, 05 de julho de 2022
91992772955
Cidades

21/06/2022 às 08h35

129

Da Redação

BRAGANCA / PA

Quadrilha suspeita de planejar ataques contra agentes de segurança é presa em Tucuruí
O Serviço de Inteligência da Polícia Militar estava monitorando o grupo e identificou ao menos 10 suspeitos participando de todo caso
Quadrilha suspeita de planejar ataques contra agentes de segurança é presa em Tucuruí
Reprodução

Seis pessoas foram presas pela Polícia Militar (PM) na tarde desta segunda-feira (20), suspeitas de planejarem ataques contra agentes de segurança em Tucuruí, região sudeste do Pará. A ação aconteceu na Vila Peniel e um do envolvidos morreu durante troca de tiros contra a PM.


O Serviço de Inteligência da Polícia estava monitorando o grupo e identificou ao menos 10 suspeitos participando de todo caso. Participaram da operação as equipes do Fiscal de Dia, Grupamento Tático Operacional (GTO), Rondas Ostensivas Com o Apoio de Motocicletas (ROCAM), Recobrimento e Inteligência.
Ao avistarem as viaturas, os suspeitos começaram a atirar contra os militares em uma área entre os bairros Jardim Marilucy e Vila Peniel. Um homem, identificado como Jackson Silva de Jesus, foi atingido pelos disparos e morreu no local. Ele estava foragido da Justiça.
 Rosinei de Souza Vieira, conhecido como “Pio”, também foi alvejado. Ele foi socorrido e encaminhado para o Hospital Regional de Tucuruí (HRT). Seu estado de saúde não foi divulgado.


As equipes policias capturaram Jaciane Coelho da Silva, Maria Luana Dias Lopes, Welyghton Baía dos Santos, Kesia Wanzeler Rodrigues (que estava com mandado de prisão em aberto contra ela), Danilo Pinho Corrêa e Sérgio Gonçalves Chavier.

Com eles, foram apreendidos três revólveres calibre 38, várias munições intactas, uma espingarda e drogas. O grupo foi apresentado na 15ª Seccional Urbana de Tucurí. 

FONTE: O Liberal

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Bragançahojeonline 2022 Desenvolvido por:
Jayro Anderson